Estudantes de Engenharia da Índia estão sendo treinados em Foxhunt, ou "caça à raposa". Não se trata de um esporte, jogo para celular ou algo parecido. Trata-se de uma atividade radioamadorística bastante conhecida, e que no caso deles, está sendo utilizada para ajudar em caso de desastres naturais, facilitando a comunicação durante operações de socorro e resgate.

Esta atividade, que os estudantes de engenharia estão ansiosos para aprender enquanto estudam sobre radioamadorismo, funciona assim: um pequeno transmissor é colocado em algum lugar dentro do CAMPUS e os estudantes irão tentar rastreá-lo e encontrá-lo. Uma atividade bastante familiar especialmente entre os escoteiros.


O treinamento acontece no NIAR, Instituto Nacional de Radioamadorismo. Centenas de estudantes de engenharia das áreas de eletrônica e comunicação estão participando de um curso sobre como operar uma estação de radioamador. É uma disciplina adicional, dentro do curso regular de engenharia que eles fazem na faculdade. O diretor  da escola NIAR disse que "Ser capaz de operar uma estação de radioamador dá aos alunos não apenas a vantagem técnica, mas também os prepara para entrar em ação quando precisarem oferecer seus serviços durante as calamidades naturais". 

Operar uma estação de radioamador na Índia ficou mais fácil, graças uma norma publicada pelo governo recentemente por lá. A novidade é que agora uma estação pode ser operada de qualquer lugar do país e não apenas no endereço constante da licença. Não há  mais necessidade de ter permissão prévia para operar em locais diferentes.

Mesmo com o desenvolvimento incrível que as redes de internet e telefonia móvel tiveram nos últimos anos, os radioamadores não apenas permanecem ativos, mas desempenham um papel importante durante os desastres naturais. Na enchente de Kerala, em agosto de 2018, e durante o ciclone Fani, em Odisha, em abril deste ano, os radioamadores estavam prontos para oferecer um meio de comunicação. Cerca de 200 radioamadores ajudaram durante as inundações em Kerala.

Viva o radioamadorismo!

Fonte: 

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Siga o QTC da ECRA no Instagram

Clique aqui para seguir o QTC da ECRA no Instagram