Por Alisson, PR7GA

No dia 24/11/2021, a Agência governamental responsável pelas telecomunicações da Alemanha (Bundesnetzagentur or BNetzA) emitiu um comunicado oficial no qual determina que os populares e quase universais rários portáteis Baofeng modelo UV5R deverão ter sua comercialização proibida em toda a Alemanha.

A medida aconteceu, segundo o documento original que pode ser baixado neste endereço, após a Agência alemã receber o aviso de que a Polônia proibiu a comercialização dos rádios em seu território, por meio também de sua Agência. Lá o distribuidor local foi comunicado de que haviam problemas com conformidade eletromagnética em relação ao equipamento, mas este não respondeu à autoridade polonesa. 

Foram efetuados testes para determinar a emissão de sinais espúrios por parte do rádio chinês e, qual não foi a surpresa, o equipamento falhou nos testes, o que significa que para a legislação polonesa ele opera com níveis não permitidos. Assim, sua comercialização foi proibida na Polônia. Isto ocorreu em 22/08/2021.

Tal medida gerou, segundo a legislação da Comunidade Europeia, a emissão de um alerta a todas as demais agências dos países europeus de que os rádios foram proibidos na Polônia, o que provavelmente gerará um efeito cascata redundando no provável banimento dos rádios em toda a Europa. 

Lá, quando um equipamento é proibido num país, os demais recebem a recomendação de também proibir o mesmo equipamento em seus respectivos territórios. Assim, a Alemanha foi o primeiro país a cumprir esta determinação após o alerta gerado pela Polônia, que passa a valer desde a publicação do documento oficial, em 24/11/2021. Lá há detalhes dos motivos da proibição. Baixe e leia (em alemão) neste endereço. Ainda segundo o documento oficial, cabe recurso para os distribuidores, mas ainda que peçam revisão, a proibição será mantida até que um eventual recurso seja apreciado.

Vale lembrar que a medida vale apenas para a comercialização e uso do equipamento por parte de usuários comerciais. Segundo o vídeo publicado pelo colega alemão DL2YMR, os radioamadores alemães poderão continuar utilizando o rádio, porém deverão se certificar de que ele não está infringindo a legislação, o que na prática acaba contribuindo para seu banimento também entre os radioamadores, já que terão de modificar o equipamento para que ele esteja em conformidade.

Será que veremos o popular radinho de fato banido em toda a Europa? E no resto do mundo? Deixe seu comentário abaixo.

Fontes:
https://youtu.be/3gQwsF_A0CU
https://www.bnetza-amtsblatt.de/download/72

Receba em primeira mão as notícias publicadas no QTC da ECRA!

Se você usa Whatsapp, acesse ZAP.ECRA.CLUB
Se você usa Telegram, acesse TELEGRAM.ECRA.CLUB
Ou siga o QTC da ECRA no Twitter: TWITTER.COM/QTCECRA

7 Comentários

  1. Ele e mais um monte de xing ling devem dançar.

    ResponderExcluir
  2. Aqui no Brasil ele nunca foi autorizado, lá naneuropa pelo menos é para os radioamadores.

    ResponderExcluir
  3. Eles vão fazer as mudanças necessárias e continuar vendendo.
    É coisa das marcas mais caras esse tipo de denúncia.
    A yaesu é alemã.
    Então isso não me surpreende

    ResponderExcluir
  4. Caros amigos
    A proibição não é uma solução.
    Os dispositivos devem ser tecnicamente atualizados.
    Como radioamadores têm o conhecimento e a capacidade de fazer isso.
    Obrigado e 73 de PP5ZX

    ResponderExcluir
  5. Me parece que esse é o início de uma guerra comercial. A popularidade da Baofeng está incomodando as grandes marcas. Por óbvio, entende-se que essa marca não supera os clássicos, mas para quem tem pouco para investir, a Baofeng tem sido uma boa opção. Muitos radioamadores novos tiveram sua entrada nos últimos tempos no mundo do radioamadorismo através de um "Chinês".

    ResponderExcluir
  6. Briga de cachorro grande.
    O que vale são os resultados dos testes de conformidades metrologicas e a legislação de cada País.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

SIGA O QTC DA ECRA NO INSTAGRAM!