QTC DA ECRA – 18ª ed./2020
Em 26/08/2020


Neste momento entra no ar PR7CP – CLUBE DE RADIOAMADORES DE CAMPINA GRANDE, na transmissão de seu informativo QTC JUNTOS SOMOS MAIS, edição Nº 18 de 2020. Hoje, 26 de Agosto de 2020. 

Pedimos que os colegas deixem a frequência livre durante esta transmissão.  
 ESPAÇO DE CÂMBIO 

Para ouvir o QTC da ECRA, basta sintonizar numa das repetidoras linkadas. Pela internet, você pode ouvir e assistir o QTC via YOUTUBE, no endereço QTCAOVIVO.ECRA.CLUB. Estamos transmiindo via ECHOLINK pelo link PR7GA-L. Também estamos transmitindo pelo aplicativo Zello, no canal "QTC da ECRA".

Hoje, operando PR7CP, Alisson Teles, titular de PR7GA.


Quer aprender CW? Acesse agora o curso 
completo do Tino, PT7AA, que o QTC da ECRA está disponibilizando gratuitamente para download. Acesse telegrafia.ecra.club/


Seja sócio da ECRA! Saiba como!

Qualquer radioamador pode ser sócio da ECRA. E a partir de agora, o processo de associação passa a ser feito de forma muito mais prática e fácil, bastando para isso preencher a proposta de associação ONLINE:

sejasocio.ecra.club



PALAVRA DO PRESIDENTE EDMAR PU7ESE



Notas curtas

A LABRE iniciou o procedimento para a confecção da Carteira Nacional de Associado – CNA, disponível para qualquer associado às estaduais da entidade. Todos os labreanos estão convidados a acessar o site da LABRE e enviar seus dados por meio do formulário disponível. É preciso, evidentemente, estar quites com sua estadual e solicitar à mesma o seu número de associado para que conte na carteira. Para os associados antigos que mantém a numeração original histórica, é possível fornecê-la e ela será impressa na CNA juntamente com a nova numeração.

A LABRE publicou ofício aonde anunciou que foi consultada pela ANATEL acerca de proposta para extinção da Telegrafia da prova para a classe B. A iniciativa da Agência visa adequar a legislação brasileira às recomendações da CITEL, Comissão Interamericana de Telecomunicações, órgão do qual o Brasil faz parte. Em boa parte do mundo, incluindo vários países das américas, o código morse não é mais exigido. Conforme afirmou em ofício e depois foi confirmado pelo seu presidente em nota, 

"A possível retirada do CW nos exames de radioamadorismo não sofreu nenhuma ingerência da LABRE. A ANATEL comunicou à LABRE sobre a possibilidade dessa mudança para atualização e readequação dos exames de forma a atender recomendação da CITEL. Neste “pacote” deverá haver a própria revisão da Resolução 449, para qual a LABRE foi convidada, com correspondente consulta pública. A LABRE entende que a retirada do CW deveria ser acompanhada de uma modernização das provas de acesso e promoção de classes do serviço de radioamador como uma forma mais eficaz de verificação. Em resumo, não existe neste momento, até a presente data, nenhuma alteração prática nos atuais exames da ANATEL."

Na semana passada, a ECRA e o radioamadorismo paraibano perdeu um de seus grandes nomes: Mário Sérgio, PR7FM, ex-PY7VON, ex-PR7MS. Mário foi presidente da ECRA na década de 1980 e era bastante conhecido pois foi durante muitos anos representante da YAESU, tendo nas últimas décadas trabalhado negociando rádios e outros equipamentos. Não perdia um encontro de radioamadores da região. Partiu no último dia 19, deixando um inesquecível legado como DX-man, amigo e colega radioamador.

E na última segunda, foi o radioamadorismo nacional que perdeu uma grande representante. Faleceu em São Paulo aos 100 anos Elza Cobra de Moraes, PY2DHP. Juntamente com seu esposo Wilson PY2DCP, Elza foi co-autora de dois livros que ajudaram milhares de pessoas a tornarem-se radioamadores nos anos de 1970 em diante: Os dois volumes do "Curso para Radioamadores". Além de exímia telegrafista, tendo sido "madrinha" de muitos colegas no mundo do CW, comandava rodadas de amigos que conversavam diariamente e também gostava muito do mundo do DX. Partiu dia 24/08, deixando também um grande legado e boas lembranças em muitos colegas.








ANATEL apreciará nesta quinta possível suspensão da taxa do COER

O Conselho Diretor da Anatel terá a sua 889ª Reunião realizada de forma online amanhã, 27/08/2020, a partir das 15h. Na pauta publicada, vemos uma enigmática referência aos radioamadores:


Proposta de suspensão cautelar de dispositivo constante do art. 30 do Regulamento do Serviço de Radioamador, aprovado pela Resolução nº 449, de 17 de novembro de 2006.

Verificando o artigo citado, vemos que ele diz o seguinte:

Art. 30. O Certificado de Operador de Estação de Radioamador é expedido a título oneroso, é intransferível, tem prazo de validade indeterminado e habilita seu titular a obter autorização para executar o Serviço de Radioamador e a operar estação do mencionado serviço devidamente licenciada, podendo ser obtido por qualquer pessoa física residente no Brasil.

Ou seja, aparentemente trata-se da expressão "a título oneroso". Ou seja, supostamente, a ANATEL estaria prestes a deixar de cobrar o valor de pouco mais de 8 reais que é cobrado de quem é aprovado nos exames para COER. 

Vemos elementos para supor isso na CP58, já encerrada, onde encontramos as contribuições dos colegas Gustavo Franco PT2ADM e Marcone Cerqueira, PY6MV, respectivamente ex-presidente e atual presidente do Conselho Diretor da LABRE, onde ambos pedem a mudança do Art. 30 da Res. 449 para que conste "não oneroso":



Após esta referência e a resposta da ANATEL destacada acima, encontramos o INFORME 188/2020/EC, disponível neste link, onde encontramos:


Diante dos documentos acima destacados, pensamos que, nesta quinta, a ANATEL possivelmente suspenderá a cobrança da taxa de emissão do COER de forma cautelar. Evidentemente, estaremos em "QAP" de forma a comprovar (ou não!) esta teoria. A reunião do CD da ANATEL é transmitida ao vivo, de forma aberta, pelo canal da ANATEL no Youtube. A 889ª Reunião, aonde a matéria será apreciada, acontece, como dissemos, às 15 desta quinta, 27/08/2020. Tão logo seja decidida, informaremos.




Você está ouvindo PR7CP, estação do 
Clube de Radioamadores de Campina Grande 
que transmite o QTC da ECRA.






O que há de errado com o Radioamadorismo?
Por Razvan Fatu, M0HZH/YO9IRF
Traduzido por Alisson, PR7GA

Este é um hobby incrível e tem muitas possibilidades, mas está longe de ser perfeito. Vejamos.

O QUE É RADIOAMADORISMO, REALMENTE?

O radioamadorismo (RA) está em constante mudança. As pessoas o praticam por motivos diferentes e cada uma tem uma definição própria para ele.

Em meados do século passado, a essência do RA era a experimentação e era visto como um hobby vanguardista. Naquela época era possível construir o próprio equipamento com peças de sucata ou comprar um kit e montar. 

A primeira mudança ocorreu quando equipamentos baratos abriram o hobby para um público muito maior, talvez menos inclinado à parte técnica; assim, vieram as repetidores locais, rodadas e o lado mais voltado à comunicação e ao social do hobby. As pessoas eram atraídas para o radioamadorismo mais para conversar umas com as outras. 

A segunda mudança está acontecendo agora e envolve a internet. Não há mais atrativo em carregar um HT na cintura quando todo mundo tem smartphones no bolso. Assim, alguns estão tentando torná-lo útil como um serviço de emergência, outros estão se voltando para o ramo altamente técnico do hobby, e outros estão tentando diversificá-lo, criando atividades que incluam o hobby, como SOTA, POTA, etc. Mesmo assim, ainda não está muito claro o que será do radioamadorismo nas próximas décadas.

EXISTE REALMENTE ALGO DE ERRADO COM O RADIOAMADORISMO?

Sempre há algo para corrigir; isso é normal, pois caso contrário não evoluiríamos. Vejamos alguns itens:

1. Custo para iniciar e a idade. Os jovens querem rádios baratos para começar, os de meia-idade precisam de recompensas rápidas e os idosos gostam de atividades menos desafiadoras. Como o mercado de equipamentos é movido pelo lucro, os jovens quase sempre são esquecidos, o que resulta numa população bastante envelhecida. Seria muito melhor ver mais equipamentos como uBITX, Baofeng e RTL-SDR para corrigir o desequilíbrio de idade. O que fazer? Uma solução poderia ser dar mais visibilidade a kits e produtos acessíveis ao invés de só falar dos últimos lançamentos de transceptores de última geração custando milhares de dólares das marcas conhecidas. Ou seja, mostrar o lado divertido do hobby em qualquer idade.

2. Atratividade (ou o fator "que legal!!!"). Este fator, ou a falta dele, vem diretamente do desequilíbrio de idade, já que os mais idosos têm maior probabilidade de querer "vender o peixe" com argumentos desatualizados. Temos algumas atividades e tecnologias fascinantes (comunicações espaciais, SDR, modos digitais, SOTA etc.) e certamente poderíamos utilizá-las como excelente atrativo, mas precisamos das pessoas certas para "torná-las legais". O que fazer? Aproveitar melhor os jovens como porta-vozes, envolvê-los na tomada de decisões, deixá-los opinar sobre o que gostam / precisam / desejam. 

3. Elitismo. O radioamadorismo nos faz sentir que fazemos parte de um clube exclusivo e assim fazemos propaganda dele, mas apenas num esforço para sentirmos melhor sobre nós mesmos. No final, o resultado deste processo descamba em frustração que por sua vez rapidamente se transforma em elitismo. O que fazer? É difícil lutar contra isso, pois exige que o hobby inteiro seja mais agradável, o que atrai menos frustrações. Talvez uma campanha do tipo “exclusivismo não é legal” e evitar jargões batidos deveriam estar no topo da lista de coisas a serem melhoradas.

4. Diversidade. Para um hobby mundial, o RA tem uma das comunidades menos diversificadas e parte dela vem do item anterior. Olhando para meus pares, posso entender facilmente como as mulheres ou as pessoas de uma etnia diferente podem se sentir desconfortáveis ​​entre nós. O que fazer? Além de promover a diversidade, talvez todos devêssemos melhorar a forma como nos expressamos. Usar fotos de mulheres em poses insinuantes em vídeos do youtube é triste e ficar conversando nos 40 metros sobre “as gostosas que aparecem no vídeo de lançamento do ICOM IC-705” é um sinal de imaturidade emocional; não seja alguém assim, pois você está constrangendo a todos.

5. Percepção geral do público. O fato de o radioamadorismo ter tantas facetas também é uma desvantagem. Temos um problema de relações públicas e cada vez que alguém encontra um Radioamador, enxerga apenas uma pequena parte do hobby e isso geralmente reforça o estereótipo/caricatura do radioamador como "pxzeiro" ou faz lembrar um filme com um cara triste, nerd e solitário brincando com seu rádio. O que fazer? Parar de mostrar gente fazendo CW a 40wpm como se isso fosse a coisa mais importante do nosso hobby; parar de falar sobre a camada F da ionosfera e sobre como calcular o comprimento do dipolo. Ao invés disso, deveríamos falar de forma mais simples e clara possível sobre o que fazemos, ou algo que seja interessante e relevante para as pessoas de fora. Estimule-as a assistir filmes como "Contato" e mostre a elas a propaganda onde um garoto constrói um transmissor para falar com os astronautas da ISS. Eduque em vez de se exibir.

Existem outros problemas? Certamente. Porém, esses se destacam para mim. Por favor, coloque sua opinião nos comentários.

[NOTA de PR7GA/QTC da ECRA: O texto acima não reflete, necessariamente, as opiniões deste editor e nem da ECRA, mas achamos bastante relevante em seu conjunto. Nosso hobby é técnico, mas não precisa ser chato.]









O QTC da ECRA termina por aqui. Todas estas matérias podem ser lidas em nosso BLOG, no seguinte endereço: qtc.ecra.club. Por este endereço os colegas poderão se inscrever e receber todas as notícias que forem lá publicadas em primeira mão. 

Agora, ouviremos a participação dos colegas que queiram emitir suas opiniões a respeito das matérias deste QTC ou quaisquer outros assuntos. Daremos oportunidade para os colegas via ECHOLINK, ZELLO e finalmente, via rádio.









Agradecemos a todos os ouvintes pela audiência e convidamos a todos para participar via rádio logo após o término desta transmissão, emitindo suas opiniões. Deixaremos a freqüência livre, prometendo retornar na próxima semana, neste mesmo horário. BOA NOITE a todos! Aqui PR7CP, Clube de Radioamadores de Campina Grande que deixa a frequência livre. 





Receba em primeira mão as notícias publicadas no QTC da ECRA!

Se você usa Whatsapp, acesse ZAP.ECRA.CLUB
Se você usa Telegram, acesse TELEGRAM.ECRA.CLUB
Ou siga o QTC da ECRA no Twitter: TWITTER.COM/QTCECRA

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

SIGA O QTC DA ECRA NO INSTAGRAM!