Por Alisson, PR7GA

Em maio, aqui no QTC da ECRA, tivemos a grata satisfação de divulgar um belo trabalho realizado pelos colegas paraenses da ART - Associação de Radioamadores do Tapajós, que fizeram toda a manutenção corretiva e preventiva na estação de radiocomunicação da Polícia Militar em sua região. Por conta da dificuldade própria de locomoção e comunicação por lá, o rádio é fundamental para coordenar as ações policiais, muito mais do que nas grandes cidades, pois não há cobertura da rede celular nem de internet em muitas localidades servidas pela polícia.

Inspirados nessa atitude, desde então temos lido, sempre no início do QTC, um pequeno texto destacando o trabalho simples mas importantíssimo que qualquer radioamador mais ou menos experiente pode realizar no sentido de melhorar as radiocomunicações das repartições públicas, especialmente no interior, onde os recursos são escassos. É a campanha "Radioamadorismo em ação".


Agora, temos novamente a satisfação de publicar mais uma ação dos colegas paraenses, desta vez, realizando a manutenção das viaturas policiais.

Diante do sucesso da ação anterior, o comandante do 18°BPM em Monte Alegre, PA, Major Valério Ferreira, solicitou novamente os serviços da A.R.T. por meio do seu presidente, Edinei Silva PU8WES.

De imediato, este destacou dois colegas experientes, o Valdir PU8WVL e o Leandro PU8YLD, para irem realizar este trabalho voluntário no último final de semana, dias 3 e 4 de outubro de 2019. Eles realizaram o diagnóstico e correção de inúmeros problemas nos equipamentos que acarretavam falhas nas radiocomunicações entre as viaturas e a Base. No caso, o alcance das estações era mínimo, o que obrigava as viaturas a constantemente retornarem à base para instruções.

Foram verificados e corrigidos problemas em cabos, conectores, soldas, além de ajustes de ROE das antenas e configurações dos rádios das viaturas, em HTs e nos rádios da Base. Foram utilizados equipamentos comuns que existem em quase toda boa estação de radioamador, como Wattímetro e analisador de antena, bem como o bom e velho ferro de solda. 



Após o término do primeiro dia de serviço, os policias voltaram a ter comunicação com qualidade e excelente alcance, muito melhor do que antes, facilitando assim o seu trabalho árduo. Isto foi realizado no sábado dia 3, até 21 horas da noite.


Já no raiar do sol do dia 4, às 7 horas da manhã, Leandro e Valdir já estavam novamente batendo na porta do quartel para a próxima etapa do serviço. Desta vez, eles se deslocaram junto com os policiais até duas estações em PPDs, "Posto Policial destacado". A primeira, comunidade do CUPIM, fica a 80km da base, e a segunda, comunidade de JATUARANA, distante 30km da primeira. O desafio, bastante complicado por conta da geografia da região com muitas serras e mata fechada, era fazer com que houvesse comunicação entre essas duas estações distantes e a base.

Porém, com muita dedicação e conhecimento técnico dos colegas radioamadores, ao final, foi obtido sucesso total. Ambos os destacamentos conseguiram estabelecer contatos diretos com a base, localizada no 18º BPM, acabando com o isolamento via rádio que aqueles policiais enfrentavam. Um QSA 4 confirmou o sucesso do serviço, tanto da base para os destacamentos quanto da base para as viaturas.

Ao todo, contando com os serviços realizados em outras ocasiões, os colegas radioamadores da ART tiveram sucesso em restabelecer ou melhorar as radiocomunicações em um total de 6 PPDs, além da própria base no quartel e em todas as viaturas que apresentavam problemas. 

E não ficou só nisso. Eles também doaram três rádios base Motorola acompanhados de antenas para outros PPDs que não tinham equipamentos de rádio, tornando possível a integração via rádio de uma grande área servida pela Polícia Militar do Pará. Tudo isto, motivado pelo espírito radioamadorístico de servir ao próximo e à sociedade, utilizando a prática aprendida e exercitada dentro de nosso querido hobby.

Ao final, os colegas radioamadores Valdir Lima PU8WVL Leandro Dousi PU8YLD receberam muitos agradecimentos e votos de estima e prosperidade vindos dos policiais que, contentes, agora poderão trabalhar de forma satisfatória.

A ECRA, mais uma vez, saúda e parabeniza os colegas da ART - Associação de Radioamadores do Tapajós, por mais esta etapa no trabalho árduo e voluntário do radioamadorismo servindo à sociedade. Que este trabalho possa inspirar todos os radioamadores brasileiros a também dedicarem um pouco de seu tempo e conhecimento no sentido de melhorar as radiocomunicações em suas respectivas regiões.

Viva o radioamadorismo!

Você pode contactar a ART por meio de sua página no Facebook, aonde eles divulgam os trabalhos realizados e de onde retiramos as informações constantes nesta matéria:

https://www.facebook.com/RadioAmadoresDoTapajos/

Receba em seu celular e em primeira mão as notícias publicadas no QTC da ECRA!

Se você usa Whatsapp, acesse ZAP.ECRA.CLUB
Se você usa Telegram, acesse TELEGRAM.ECRA.CLUB

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

SIGA O QTC DA ECRA NO INSTAGRAM!