Por Alisson, PR7GA


Em 16 de julho, os radioamadores peruanos puderam comemorar a promulgação de uma nova regulamentação para o serviço de radioamador naquele país. Por meio do novo decreto, o novo Regulamento do Serviço de Radioamador foi aprovado e promulgado, revogando a resolução anterior, que vigorou por 24 anos.

O novo Regulamento inclui muitas das propostas que a associação de radioamadores do Pero, chamada de Radio Club Peruano, sugeriu e levou ao Ministério dos Transportes e Comunicações. 

Algumas das mudanças mais importantes incluídas neste novo regulamento são: a partir de agora, a Categoria Iniciante, bem como as outras duas categorias, podem ser renovadas a cada cinco (5) anos. Além disso, não há mais a obrigação de mudar de classe. Antes, quem possuía licença iniciante era obrigado a mudar de classe em até 3 anos, do contrário, perdia a licença.

Outra modificação importante é que a categoria iniciante agora pode usar toda a banda de 2 metros (antes só poderia usar de 146-148), bem como a banda de 70 cm, o que lhes permitirá estabelecer comunicações via satélite. 

Além disso, a limitação do uso dos modos de operação que podem ser usados ​​por cada categoria foi eliminada. Antes, por exemplo, a classe iniciante não podia fazer modos como RTTY e SSTV.

O Radio Club Peruano vem demandando junto ao governo peruano há mais de 4 anos para alterar o Regulamento do serviço e assim ter um regulamento de acordo com a evolução e as mudanças tecnológicas vigentes dentro do radioamadorismo.

Parabéns a todos os colegas peruanos! Viva o radioamadorismo!

Receba em seu celular e em primeira mão as notícias publicadas no QTC da ECRA!

Se você usa Whatsapp, acesse ZAP.ECRA.CLUB
Se você usa Telegram, acesse TELEGRAM.ECRA.CLUB

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

SIGA O QTC DA ECRA NO INSTAGRAM!